Norte de Portugal na base de nova rede de inovação digital

O Norte de Portugal é responsável por 29% do PIB nacional e 39% das exportações portuguesas, de acordo com dados da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte. É neste contexto que nasce o iMan Norte Hub, um projecto que tem como missão fomentar a transformação digital das empresas industriais desta região e estimular o respectivo ecossistema de inovação.

Digitalização e robótica são duas das áreas chave abrangidas pela nova rede de inovação digital, que espera conseguir dotar as empresas dos conhecimentos necessários para evoluírem. O iMan Norte Hub propõe-se a elaborar diagnósticos e roteiros tecnológicos, a procurar fornecedores e parceiros, validar e demonstrar soluções inovadoras, apresentar estudos e apoiar o desenvolvimento de novos negócios, nomeadamente através de incubadoras e associações empresariais.

«Este ecossistema de negócio surge das fortes competências regionais em áreas científicas associadas às TIC e tecnologias de produção, tais como electrónica e automação, ciências da computação, equipamentos de produção e da oferta local existente em soluções tecnológicas especializadas para a indústria da manufactura», explica Fernando Sousa, da Produtech.

Com lançamento marcado para o próximo dia 25, conta com coordenação do Pólo das Tecnologias de Produção (Produtech), Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC), Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC), Centro de ApoioTecnológico (CATIM), Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal (CITEVE), Centro Tecnológico do Calçado de Portugal (CTCP) e Centro Tecnológico da Cortiça (CTCOR).

Recomendar
  • gplus
  • pinterest