Fusões e aquisições aumentam 40,72% em valor

Os anúncios de compra e venda de participação envolvendo empresas portuguesas registaram um aumento em valor de 40,72% em Janeiro, face a igual período de 2017. O relatório mensal da M&A da Transactional Track Record indica que estes negócios movimentaram 450 milhões de euros.

Ao todo, foram anunciadas 28 operações, mais 12% do que no primeiro mês do ano passado. Destas, apenas 11 apresentaram os seus valores. De acordo com o mesmo relatório, os resultados verificados apontam para o melhor mês de Janeiro desde 2016.

O sector imobiliário foi o de maior movimentação, com seis transacções. Ainda assim, registou uma queda de 33% relativamente a Janeiro de 2017. Seguem-se as áreas da tecnologia, vidro, cerâmica, papel, plástico e internet.

No campo dos investimentos de capital de risco, a Transactional Track Record destaca os negócios de venture capital cujos valores ascenderam a 31,6 milhões de euros (+55%). No segmento de private equity, realizaram-se três transacções mas sem valores revelados.

Em Janeiro, o mercado português somou, ainda, 14 operações inbound, em que empresas nacionais são adquiridas por companhias estrangeiras. O mesmo relatório coloca em evidência Espanha e França, com negócios como a aquisição de activos comerciais imobiliários por parte da Ores Socimi e compra do centro comercial Dolce Vita Tejo pela Axa.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest