Sonae Sierra lucrou mais 9% no primeiro semestre

O resultado líquido da Sonae Sierra atingiu os 64,2 milhões de euros, na primeira metade do ano, o equivalente a um salto de 9% relativamente ao valor registado no mesmo período de 2016. Em comunicado, a empresa justifica o resultado com a “melhoria dos resultados financeiros, a contínua valorização das propriedades de investimento e o aumento de 6% no EBIT, para 50 milhões de euros”.

Também o resultado directo da Sonae Sierra aumentou 13% para 30,2 milhões de euros, “consequência de um aumento do EBIT na Europa e no Brasil e de melhores resultados financeiros”. No que diz respeito ao resultado indirecto, a evolução foi menor mas ainda assim positiva: cresceu 6% para 34 milhões de euros, “na sua maioria devido ao impacto positivo da compressão das taxas de capitalização na Europa, que permitiram uma valorização adicional das propriedades de investimento”.

No que diz respeito aos resultados operacionais, as vendas dos lojistas no portefólio europeu cresceram 6,9% face ao período ao homólogo anterior. Em Portugal a subida foi de 7,1%. A taxa de ocupação média do portefólio caiu 0,3% para 95,8%. O valor total das rendas aumentou 8,9%, a nível global.

«O crescimento da Sonae Sierra nos primeiros seis meses do ano confirma o sucesso da estratégia da empresa e reflecte a sua abordagem de gestão dinâmica», considera Fernando Guedes Oliveira, CEO da Sonae Sierra.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest