Nissan vende negócio de baterias eléctricas

A Nissan e a NEC decidiram vender a joint-venture que criaram para o desenvolvimento de baterias para veículos eléctricos. O negócio passará para as mãos de uma empresa chinesa de private equity, a GSR Capital.

De acordo com o Financial Times, a operação oferece à Nissan e à NEC uma saída de uma indústria que, embora seja popular devido ao crescimento da procura por este tipo de veículos, se tem mostrado exigente ao nível de capital. A joint-venture de ambas, designada AESC, foi criada em 2007.

Sonny Yu, chairman da GSR Capital, afirma que a aquisição da AESC será acompanhada de investimento em investigação e da expansão da capacidade de produção nos EUA, Reino Unido e Japão. Planeiam também construir novas instalações na China e na Europa.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest