Jerónimo Martins confirma programa de investimento

A Jerónimo Martins confirmou o programa de investimento para este ano, no mesmo dia em que anunciou um ligeiro crescimento de 0,4% no resultado líquido do primeiro trimestre deste exercício fiscal face ao mesmo período do ano anterior.

O investimento previsto para 2017 vai ascender aos 700 milhões de euros, de acordo com o comunicado da retalhista remetido à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários.

A Jerónimo Martins confirmou ainda o plano “de acrescentar mais de 100 lojas (líquidas) na Biedronka e a abertura de, pelo menos, 150 lojas na Colômbia”.

Na Polónia, a retalhista mantém “uma perspectiva positiva sobre o consumo”, enquanto em Portugal, o Pingo Doce “continuará a melhorar a qualidade da operação de loja” e o Recheio “dará prioridade à optimização da sua oferta numa lógica multicanal”.

No mercado colombiano, a Ara deverá aumentar as suas perdas face a 2016, devido ao reforço das equipas e infra-estruturas para “acelerar o ritmo de expansão”.

O resultado líquido do grupo cifrou-se em 78 milhões de euros no trimestre, enquanto o volume de negócios cresceu 9% e o EBITDA 4,6%, para 3,68 mil milhões de euros e 192 milhões de euros, respectivamente.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest