Das maiores operações

Foi das grandes surpresas, dos últimos tempos. A Snap chegou à Bolsa de Nova Iorque e driblou todas as expectativas. Depois do Twitter, conseguiu valores por acção que transformaram o seu IPO num dos maiores.

Por Mª João Vieira Pinto

Foi uma das maiores ofertas de venda iniciais (IPO) desde a entrada do Twitter, em Novembro de 2013.

Depois de uma decisão anunciada no início do mês de Fevereiro, no passado dia 2 de Março as acções da Snap, a empresa norte-americana dona do Snapchat, estrearam-se na Bolsa de Nova Iorque (NYSE).

O valor? 24 dólares! Bem acima dos 17 dólares a que tinham sido apresentadas na operação de venda. A empresa chegou à Bolsa avaliada em cerca de 24 mil milhões de dólares (cerca de 23 mil milhões de euros), sendo que a perspectiva inicial era de que a avaliação no mercado ficasse entre os 19,5 mil milhões de dólares e os 22,3 mil milhões de dólares.

E a operação rendeu qualquer coisa como 3,4 mil milhões de dólares (cerca de 3,2 mil milhões de euros).

Leia este artigo na íntegra na edição de Abril da Executive Digest.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest