Novabase ganhou mais 29% em 2016

A Novabase anunciou que espera atingir um volume de negócios superior a 140 milhões, este ano. Deste valor, mais de 60% deverá corresponder a operações fora de Portugal. A tecnológica portuguesa informa ainda que prevê um EBITDA de mais de 10 milhões de euros em 2017, depois de ter reportado um crescimento de 29% no resultado líquido referente ao exercício fiscal de 2016, ascendendo aos 9,6 milhões de euros.

Os resultados do ano passado apontam ainda para um crescimento de 7% no volume de negócios, que alcançou 135,7 milhões de euros. A Novabase considera que a subida se deve sobretudo ao crescimento internacional da empresa (+16%).

Em comunicado enviado à CMVM, a empresa portuguesa informa ainda que o EBITDA, por seu turno, caiu 51% para 5,9 milhões de euros. A justificação está relacionada com o custo extraordinário de 7 milhões de euros associado a um projecto e ainda com a estratégia de aceleração da internacionalização.

Sobre a presença da Novabase além-fronteiras, o CEO Luís Salvado refere que os mercados internacionais representam já perto de 60% da actividade total e que as operações na Europa subiram 27%, tornando este continente responsável por 2/3 da actividade não doméstica.

«Em 2017, continuaremos a apostar na diferenciação das nossas ofertas, especializando-as para os mercados mais sofisticados, o que implicará um esforço acrescido de investimento em I&D», adianta ainda Luís Salvado.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest