Lucro da Lenovo cai 67%

O último trimestre de 2016 foi de queda para a Lenovo. O lucro da tecnológica chinesa caiu 67% no lucro, ficando-se pelos 98 milhões de dólares (92 milhões de euros). A justificação para a queda está nas dificuldades encontradas em áreas negócio essenciais como os centros de dados, dispositivos móveis e PCs.

Segundo o The Financial Times, o recuo mais acentuado foi reportado pela divisão mobile da Lenovo, com a venda de apenas 15 milhões de telefones no último trimestre do ano passado. As vendas destes dispositivos caíram 23% para 2,2 mil milhões de dólares (2 mil milhões de euros).

Tendo em conta todas as áreas de actuação da empresa, a receita atingiu os 12,2 mil milhões de dólares (11,4 mil milhões de euros), o que representa uma quebra de 6%.

Ainda assim, Yang Yuanqing, chairman e CEO da Lenovo, considera que «apesar das contínuas incertezas macroeconómicas e de dois negócios ainda em transição, a Lenovo obteve um desempenho sólido no último trimestre».

Recomendar
  • gplus
  • pinterest