Airbus quebra recorde de entregas

A Airbus ultrapassou as suas próprias previsões e registou um novo recorde no que diz respeito a entregas de aviões. No ano passado, a fabricante aeroespacial entregou mais 8% do que em 2015, atingindo um total de 688 aviões. Segundo a Reuters, a estimativa não ia além dos 650 e o objectivo do director financeiro era de 670.

Além de ter alcançado um novo máximo, a Airbus conseguiu também superar a Boeing em termos de novas encomendas: 731 ao todo versus 668 da Boeing. Porém, no campo das entregas, a Boeing ficou à frente com 748.

John Leahy, responsável de vendas da Airbus, acredita que as entregas vão continuar a crescer ao longo dos próximos anos, apesar de não antecipar um 2017 muito auspicioso. Em declarações reportadas pela mesma agência noticiosa, o responsável afirma que a Airbus não será capaz de vender tantos aviões como os que entregou em 2016.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest